O crescimento demográfico dos municípios do Litoral Norte

As estimativas populacionais de 2005 mostram um elevado crescimento demográfico nos municípios do Corede Litoral, fenômeno, aliás, que já vem ocorrendo desde a década de 80. No período 2000-05, esse crescimento foi da ordem de 2,6% ao ano, e, entre os Coredes, somente o Pararanhana-Encosta da Serra, com uma taxa de 2,8% ao ano, teve aumento superior ao do Litoral.

Na tabela, pode-se verificar que elevadas taxas de crescimento populacional ocorrem principalmente nos municípios balneários. Dado que as estimativas populacionais se referem somente aos moradores permanentes e que a taxa de ocupação dos domicílios da maioria dos municípios da orla, para o ano de 2000, ficava abaixo de um quinto (com exceção de Capão da Canoa, Tramandaí e Torres), conclui-se que muitos desses domicílios são ocupados somente nos meses de veraneio. Apesar de ser ainda baixa, essa ocupação tende a crescer, impulsionada pelo dinamismo do veraneio, que atrai mão-de-obra do setor serviços para o atendimento da população flutuante, e pela parcela da população aposentada, que passa grande parte do ano no litoral.

O crescimento demográfico dos municípios do Litoral Norte

Compartilhe