Textos de: Pedro Fernando Cunha de Almeida

Política econômica no Governo Lula: continuidade ou ruptura?

Por:

Edição: Ano 12 nº 06 - 2003

Área temática:

Assunto(s): ,

Tendo empunhado a bandeira da mudança, Luís Inácio Lula da Silva conquistou a Presidência da República. Em boa medida, a mudança ocorreria através da substituição da política econômica praticada pelo Governo FHC. De acordo com Lula e sua base de apoio, a política econômica substituta recuperaria o dinamismo perdido da economia e causaria firme crescimento […]

Variações na taxa de câmbio e o poder norte-americano

Por:

Edição: Ano 20 nº 06 - 2011

Área temática:

O mundo vive hoje sob o padrão monetário internacional denominado dólar flexível. Sua característica mais relevante diante dos padrões monetários internacionais anteriores — o padrão ouro-libra e o padrão ouro-dólar — é a de não ser lastreado pelo ouro. Tal característica é importante, já que os dois últimos padrões citados se esgotaram justamente porque Inglaterra […]

O próximo governo e as reservas externas

Por:

Edição: Ano 19 nº 12 - 2010

Área temática:

Assunto(s): ,

No decorrer dos últimos oito anos, a economia brasileira expandiu-se à taxa anual média de 4,0%. A intensificação desse crescimento, ou simplesmente sua manutenção, depende da resolução de um conjunto muito amplo e variado de questões. Entre elas, há a que se refere à evolução do montante de reservas de que disporá o Brasil no […]

O front externo: desafios e possibilidades

Por:

Edição: Ano 19 nº 05 - 2010

Área temática:

Assunto(s):

É característica histórica da economia brasileira expandir-se com forte deterioração de suas contas externas correntes. A mesma característica expressa a restrita capacidade da produção nela realizada para competir com a estrangeira nos mercados nacional e internacional. Nos períodos do Plano de Metas (1956-61) e do II PND (1974-79), importantes movimentos de substituição das importações foram […]

A economia brasileira está mesmo em recuperação? De que tipo?

Por:

Edição: Ano 18 nº 07 - 2009

Área temática:

Assunto(s):

Hoje, é muito disseminada a opinião de que economia brasileira já se encontra em fase de recuperação da crise que nela se instalou no início do último trimestre de 2008. Essa crise, como é sabido, proveio do turbilhão de dificuldades vividas, no mesmo período, pelo setor financeiro norte-americano e, em decorrência, pelos seus congêneres do […]

Juno ou a nuvem?

Por:

Edição: Ano 18 nº 01 - 2009

Área temática:

Assunto(s): ,

A partir de 1999, prepondera no País uma específica política econômica de curto prazo, implementada a partir de seu Banco Central. De corte liberal, a mesma se caracteriza por grande rigor fiscal e monetário e por decidida permissividade frente aos movimentos da taxa de câmbio e do fluxo de capitais externos. Com tal política, almeja-se […]

Economia brasileira: riscos e oportunidades

Por:

Edição: Ano 17 nº 07 - 2008

Área temática:

Assunto(s):

Medida pela relação despesas correntes/receitas correntes (DC/RC) da balança brasileira de pagamentos (gráfico), a fragilidade financeira externa (FFE) do Brasil vem-se elevando desde o terceiro trimestre de 2007. O movimento ascensional da FFE resulta, sobretudo, da combinação da intensidade da expansão do PIB e da elevada elasticidade-renda das importações da economia brasileira. Assim, mantidos o […]

Os limites do crescimento econômico embasado no mercado interno

Por:

Edição: Ano 17 nº 03 - 2008

Área temática:

Assunto(s): , , , ,

Por razões já amplamente discutidas, no terceiro trimestre de 2007 a economia norte-americana foi envolvida por crise que desacelerou sua atividade produtiva e causou o abalo das finanças internacionais. Com intensidade e duração ainda desconhecidas, o processo tem potencial de pôr em xeque o crescimento das demais economias do mundo. Contudo, no Brasil, crê-se que […]

O crescimento econômico será duradouro?

Por:

Edição: Ano 16 nº 11 - 2007

Área temática:

Assunto(s): , , , ,

Vive-se hoje, no Brasil, um clima de grande otimismo, que expressa o (quase) consenso de que sua economia manterá, por longo período de tempo, o crescimento iniciado em 2004. Esse otimismo provém de animadoras tendências verificadas há, pelo menos, um triênio, envolvendo as contas públicas e as contas externas do País. Enquanto as mesmas se […]

Ainda é tempo

Por:

Edição: Ano 16 nº 06 - 2007

Área temática:

Assunto(s):

A economia internacional vive excepcional conjuntura desde 2003. Nela, vêm prevalecendo elevada liquidez e rápido crescimento da atividade produtiva (4,9% a.a.) e do comércio entre as nações (15,8% a.a.). Em vista de tal conjuntura, as economias nacionais têm contado com incomum liberdade para expansão. Contudo, no Brasil, cresce-se lentamente (3,4% a.a.). Uma das razões para […]