Textos de: Marilene Dias Bandeira

Excesso de peso, diabetes e hipertensão crescem no Brasil entre 2006 e 2016

Por:

Edição: Ano 26 nº 6 – 2017

Área temática:

Assunto(s): , ,

O Ministério da Saúde publica, desde 2006, a pesquisa Vigilância de Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), realizada por meio de questionário telefônico, com 2000 pessoas de 18 anos ou mais, em cada uma das capitais brasileiras e no Distrito Federal. O objetivo do inquérito é monitorar a magnitude de doenças e agravos não transmissíveis […]

Quantos anos de vida são perdidos na expectativa de vida ao nascer, pelos homens gaúchos, devido aos óbitos por causas violentas?

Por:

Edição: Ano 26 nº 1 – 2017

Área temática: ,

Assunto(s): ,

A expectativa de vida ao nascer, que representa o número médio de anos que se espera que um indivíduo viva, é um indicador estreitamente associado às condições socioeconômicas de uma região. Com o objetivo de estudar a evolução desse indicador no Rio Grande do Sul, foi elaborada uma série de tábuas de vida de 2002 […]

Aspectos da mortalidade por causas externas no RS em 2014

Por:

Edição: Ano 25 nº 09 – 2016

Área temática:

Assunto(s):

Dados do Sistema de Informações de Mortalidade (SIM) obtidos no portal do DATASUS do Ministério da Saúde indicam que ocorreram 82.166 óbitos no Estado em 2014, sendo as doenças do aparelho circulatório a principal causa de morte, com participação de 28,0%. A seguir vêm as neoplasias (21,6% dos óbitos) e as doenças do aparelho respiratório […]

Expectativa de vida ao nascer no Rio Grande do Sul, no período 2000-14

Por: e

Edição: Ano 25 nº 01 – 2016

Área temática:

Assunto(s): ,

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga anualmente as Tábuas Completas de Mortalidade do Brasil, que são usadas pelo Ministério da Previdência Social como um dos parâmetros para determinar o fator previdenciário ao se calcularem as aposentadorias do Regime Geral da Previdência Social. As Tábuas apresentam informações sobre probabilidades de morte por sexo […]

Excesso de peso, hábitos alimentares e atividades físicas em Porto Alegre

Por:

Edição: Ano 24 nº 10 – 2015

Área temática:

Assunto(s): ,

O Ministério da Saúde publica regularmente uma pesquisa feita com pessoas de 18 anos ou mais nas capitais brasileiras e no Distrito Federal com o objetivo de investigar o excesso de peso, a obesidade, a atividade física e os hábitos alimentares da população (Vigitel). Os dados mais recentes revelam que, em 2014, mais de 55% […]

Perfil dos migrantes da Mesorregião Metropolitana de Porto Alegre — 2005-10

Por:

Edição: Ano 23 nº 10 – 2014

Área temática:

Assunto(s): ,

O conhecimento do perfil do migrante de acordo com a estrutura por sexo e idade ajuda a se compreenderem os mecanismos que envolvem a mobilidade populacional. A análise dos migrantes das mesorregiões do Estado, em relação a todas as demais mesorregiões do Brasil e do próprio RS, é baseada no local de residência cinco anos […]

Necessidades básicas insatisfeitas por tamanho de município

Por:

Edição: Ano 13 nº 12 - 2004

Área temática:

O IBGE, através dos Indicadores Sociais Municipais 2000, elabora um indicador que tenta medir necessidades básicas insatisfeitas. Dessa forma, pode-se apontar onde há maior demanda potencial por programas que visem à melhoria das condições de vida da população. São considerados vulneráveis aqueles domicílios que apresentam saneamento inadequado (saneamento adequado possuem os domicílios com escoadouro ligado à rede geral ou fossa séptica, serviços […]

A migração no Rio Grande do Sul

Por:

Edição: Ano 12 nº 07 - 2003

Área temática:

Os dados do Censo Demográfico de 2000 sobre movimentos migratórios da população brasileira indicam que o número de gaúchos naturais residindo fora do Estado (1.012.590 pessoas) era bem maior que a população não natural do Rio Grande do Sul residente no Estado (382.502 pessoas), na-quele ano. O fluxo de deslocamento dos gaúchos ocorreu principal-mente para […]

Urbanização das metrópoles brasileiras no século XXI

Por:

Edição: Ano 19 nº 04 - 2010

Área temática:

Assunto(s): ,

Em 2008, pela primeira vez, a população mundial das cidades superou o contingente de habitantes do campo. No Brasil, em 1970, cerca de um terço da população vivia em zonas urbanas. Já em 1980, este era o percentual de população rural, ocorrendo uma inversão da participação da população urbana e da rural em relação ao […]

Migrações entre as mesorregiões gaúchas no período 2005-10

Por:

Edição: Ano 22 nº 05 - 2013

Área temática:

Assunto(s): ,

A análise das migrações entre as mesorregiões no Estado representa uma tentativa de compreender os fenômenos econômicos e sociais que influenciam o crescimento regional. Esse estudo foi baseado no Censo Demográfico de 2010, utilizando a informação de onde as pessoas declararam residir em 2005. Com base nesses dados, verifica-se que os movimentos populacionais entre as […]