Lavoura de arroz no RS: em 2010, maus efeitos do El Niño

A produção de arroz atingiu 8.048 mil toneladas na safra 2008/2009, quando foi obtido o melhor resultado da história dessa cultura no Rio Grande do Sul — Instituto Rio Grandense do Arroz (IRGA). A área plantada de 1.105 mil hectares e o rendimento médio de 7.281 kg/ha, naquela safra, também foram recordes históricos. Esses resultados foram propiciados pela tecnologia adotada (uso correto do manejo do solo, uso de insumos e sementes de última geração) e por boas condições climáticas.

Já no que se refere à safra em desenvolvimento, a expectativa é de que haja redução na produção, em virtude das condições climáticas adversas, fortemente influenciadas pelo fenômeno El Niño, que trouxe intensas enxurradas, especialmente na época de plantio. Essas ocorrências afetaram negativamente a área plantada nas quatro maiores regiões produtoras, entre as seis definidas pelo IRGA. Mesmo com o pequeno incremento de área nas regiões Planície Costeira Externa à Lagoa dos Patos e Zona Sul, o total da área semeada de arroz irrigado em 2009/2010 ficou em 1.076 mil hectares, redução de 2,76%, equivalente a menos 29.748 hectares em relação à safra anterior.

Ainda assim, se o clima se mantiver bom no decorrer das demais fases da cultura, é possível que as condições das lavouras melhorem e que ainda possam ser obtidos bons
níveis de produtividade.

Lavoura de arroz no RS em 2010, maus efeitos do El Niño

Compartilhe