Desempenho do mercado de trabalho na RMPA em 2001

O período jan.-nov./01 foi favorável para o mercado de trabalho na Região Metropolitana de Porto Alegre (RMPA), quando comparado com os mesmos períodos dos dois anos anteriores. Segundo os dados levantados pela PED-RMPA, esse bom resultado deveu-se ao aumento do número de postos de trabalho na Região, que determinou a queda da taxa de desemprego.

A taxa de desemprego total média alcançou 15,0% da PEA nesse período de 2001, apresentando queda em relação aos 17,0% registrados no mesmo período de 2000 e aos 19,3% de 1999. O número médio de desempregados reduziu-se em 30 mil indivíduos, comparando-se os 11 meses de 2000 com os de 2001, em decorrência da geração de 47 mil ocupações, que superou o ingresso de 17 mil trabalhadores na força de trabalho metropolitana.

A expansão do nível ocupacional mostrou-se generalizada nos principais setores de atividade econômica, cabendo destacar o desempenho observado em serviços, que teve uma ampliação de 26 mil pessoas no seu contingente de ocupados. A indústria de transformação e o comércio tiveram uma expansão de 11 mil postos cada um. Com relação à forma de inserção no mercado de trabalho, cabe destaque à expansão do emprego no setor privado, com a criação de 52 mil postos.

O fato negativo no mercado de trabalho metropolitano ficou por conta do comportamento dos rendimentos. Em relação ao período analisado do ano 2000, houve queda de 3,3% no rendimento real médio do total de ocupados e variação negativa de 0,9% no dos assalariados.

Desempenho do mercado de trabalho na RMPA em 2001

Compartilhe