Textos com assunto: docentes

O percentual de docentes com curso superior nas escolas gaúchas

Por:

Edição: Ano 23 nº 09 – 2014

Área temática:

Assunto(s): ,

A qualificação dos professores é reconhecidamente tratada como um dos pilares para um ensino de qualidade. Nesse sentido, o Governo Federal tem adotado políticas de ampliação do percentual de docentes com curso superior. Um exemplo disso é a criação, em 2009, do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Parfor), que visa estimular a oferta de educação superior gratuita em cursos de licenciatura e pedagogia a professores da rede pública.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP), o RS apresentou proporção de docentes com curso superior, em 2013, acima da média brasileira, tanto para o ensino fundamental quanto para o médio. A maior diferença observada está no ensino fundamental. Enquanto 79% das funções docentes nesse nível de ensino eram exercidas por profissionais com curso superior no Brasil, esse percentual era de 86,7 nas escolas gaúchas. Tal diferença é explicada, principalmente, pela maior concentração de professores com formação superior nas escolas privadas do RS.

Considerando apenas os sete estados das Regiões Sul e Sudeste, o RS alcançou posição de destaque nesse indicador apenas na rede privada. Nessa rede de ensino, o RS é o segundo colocado no ranking de proporção de docentes com curso superior no ensino fundamental, perdendo apenas para São Paulo (88,4%), e o terceiro no ensino médio, superado pelo Paraná (96,7%) e por São Paulo (96,2%).

Na rede pública, no entanto, os resultados são menos satisfatórios. O RS aparece apenas como o quinto colocado (86,9%) entre os estados do Sul e do Sudeste. No ensino médio, o Estado é o sexto (94,4%). Os destaques das Regiões Sul e Sudeste, na rede pública, são Espírito Santo, com 93,3% dos docentes com ensino superior atuando no ensino fundamental, e Rio de Janeiro, com 99,1% trabalhando no ensino médio.

tabela percentual

Compartilhe