Ano 16 nº 09 - 2007

Comércio retoma o crescimento

Depois de um período de crise, o comércio gaúcho começa a apresentar um crescimento significativo no primeiro semestre de 2007, acompanhando o bom desempenho dos outros setores da economia. Desde junho de 2007, a FEE, no âmbito da parceria com a Fecomércio-RS e com a Secretaria da Fazenda, expandiu a cálculo do Índice de Vendas

Leia mais

Trabalhadores maduros: maior estabilidade, mas com dificuldades para conseguir ocupação

O tempo de permanência no trabalho é um dos indicadores que caracteriza o grau de estabilidade no mercado de trabalho. Em 2006, na Região Metropolitana de Porto Alegre, o maior tempo médio de permanência entre os trabalhadores ficou por conta dos mais maduros (40 anos ou mais), os quais apresentavam, em média, 118 meses de

Leia mais

Bons resultados para a indústria de veículos automotores

O ano de 2007 vem-se mostrando favorável à indústria gaúcha de transformação, que apresentou um crescimento acumulado de 8,5% no período jan.-jun., em comparação com o primeiro semestre de 2006, quando registrou uma queda da produção física de 3,9%. Com esse resultado, o RS assumiu a liderança sobre os demais estados brasileiros, posicionando- -se acima

Leia mais

Melhoram as contas públicas do RS com a venda das ações do Banrisul

A execução do Orçamento da Administração Pública Estadual consolidada (Direta e Indireta), no período 2004-07, apresentou uma melhora. No último ano, a receita consolidada (a preços de julho de 2007) cresceu tanto em função do desempenho da economia como, principalmente, pela venda das ações do Banrisul, que ocasionou um ingresso de mais de R$ 1,2

Leia mais

Impasses na Rodada Doha: repercussões para o Brasil

Após seis anos de negociações, o impasse ainda continua. O que está em jogo e interessa ao Brasil é a abertura dos mercados agrícolas da União Européia (UE) via cortes em suas tarifas aduaneiras para produtos agrícolas e o decréscimo no total de subsídios agrícolas concedidos pelos Estados Unidos aos seus produtores. Em contrapartida, países

Leia mais

O Brasil e a crise de crédito global

A partir de meados de julho, tornou-se evidente um fato desde há muito anunciado: a nova crise financeira global teria sua origem na expansão exacerbada do mercado imobiliário norte-americano. Créditos que alimentaram o consumo do País foram realizados pelas famílias por conta de hipotecas em condições favoráveis, efetivadas a partir de inovações financeiras que permitiam

Leia mais