Ano 14 nº 07 - 2005

Plano safra 2005/06: recursos aquém das necessidades

Em meio a protestos de agricultores em Brasília, que pediam o refinanciamento das dívidas devido aos problemas financeiros acarretados pela estiagem e pela queda dos preços de seus produtos, o Governo apresentou, ao final de junho, o Plano Agrícola e Pecuário 2005/06, com R$ 44,35 bilhões em recursos programados, um aumento nominal de 12,4% em relação ao montante disponibilizado na

Leia mais

Óbitos de menores de cinco anos, em 2003, foram maiores no sudoeste do RS

Os dados sobre a mortalidade de menores de cinco anos são utilizados pela Unicef como indicadores de desenvolvimento e incorporam uma grande variedade de “fatores de contribui ção”, tais como a saúde nutricional e o conhecimento das mães sobre saúde, o grau de imunização e o uso dos tratamentos nos casos de diarréias, bem como a disponibilidade de

Leia mais

Preço do barril de petróleo atinge US$ 60

O preço do barril de petróleo do tipo W. Texas negociado em Nova Iorque, que era cotado a US$ 42,12 no início do corrente ano, alcançou os patamares de US$ 57,27 em março e US$ 60,54 ao final de junho. A nova “febre compradora” atual decorre da percepção de que a oferta do petróleo atingiu um limite na

Leia mais

Queda da taxa de desemprego para os chefes de domicílios na RMPA

A Pesquisa de Emprego e Desemprego na Região Metropolitana de Porto Alegre (PED-RMPA) vem apontando, desde o início de 2005, aumento do nível ocupacional e queda da taxa de desemprego dos chefes de domicílio, conforme demonstrado no gráfico. Entre dezembro de 2004 e maio de 2005, o nível ocupacional cresceu 3,0%, correspondendo a uma expansão de 22 mil postos de

Leia mais

Arrecadação dos tributos federais continua crescendo, malgrado a desaceleração da economia

Apesar de os indicadores apontarem uma desaceleração da economia, a arrecadação dos tributos do Governo Federal continua crescendo em 2005, devido, principalmente, às medidas fiscais tomadas no ano passado, quando a arrecadação da Secretaria da Receita Federal foi a maior da década. Nos cinco primeiros meses de 2005, a receita obtida superou a do mesmo período do ano passado.

Leia mais

Indústria gaúcha em estado de alerta

Os resultados relativos à produção física (PIM-IBGE) revelam que, nos primeiros cinco meses de 2005, a indústria de transformação brasileira manteve uma discreta desaceleração frente ao crescimento alcançado em 2004. No mês de janeiro de 2005, apresentou um crescimento de 5,84% em relação a janeiro de 2004, sendo que, no acumulado jan.-maio, essa taxa passou para 4,42%. Já no Rio

Leia mais