Ano 11 nº 07 - 2002

Redirecionamento das exportações gaúchas

A crise argentina vem se refletindo diretamente na economia gaúcha, pela queda das exportações do Estado para aquele país. De junho de 2001 a maio de 2002, em comparação com os 12 meses anteriores, essa redução foi de 44%, representando quase US$ 300 milhões. Para diminuir essas perdas, os exportadores vêm tentando avanços em outros mercados. No caso dos

Leia mais

Censo Demográfico 2000: os ocupados e o seu lugar no mercado

Os dados da Tabulação Avançada do Censo Demográfico 2000, embora provisórios, permitem confirmar o que inúmeros estudos sobre o mercado de trabalho no Brasil já apontaram: a deterioração ocorrida nos anos 90, expressa pelo crescimento do contingente de trabalhadores em ocupações associadas à precarização. No ano 2000, 67,9% dos ocupados, no Brasil, eram assalariados, sendo que, destes, 36,1% não tinham carteira

Leia mais

Preços compensam a queda de produtividade das lavouras gaúchas

O desempenho da safra gaúcha de verão 2001/2002 foi bastante negativo, se comparado ao do ano passado. Na produção dos quatro principais grãos, o Rio Grande do Sul apresentou uma redução no volume produzido de 19,14%. Essa redução foi conseqüência de quebras de produtividade nas lavouras, em razão de problemas climáticos ocorridos no Estado. A redução da produção teria

Leia mais

Indústria gaúcha registra bom desempenho

Apesar das circunstâncias desfavoráveis enfrentadas pelo País, a indústria brasileira, segundo o IBGE, registrou, em abril, uma expansão de 6% em sua atividade produtiva na comparação com igual mês do ano anterior. Esse resultado é particularmente expressivo, tendo em conta que interrompe uma seqüência de oito meses de taxas negativas. O comportamento positivo do setor industrial é ainda mais significativo

Leia mais

Comércio: vendas em queda em 2002

No primeiro quadrimestre do ano, o comércio varejista gaúcho apresentou uma queda no volume de vendas de 4,0%, o pior resultado entre os principais estados do País. O comércio brasileiro, por sua vez, apresentou uma redução de 1,1% em suas vendas. O desempenho do comércio gaúcho é o reflexo das sucessivas quedas nas vendas que o setor vem acusando ao

Leia mais

Por que o real se desvaloriza e o Risco-Brasil cresce?

Entre meados de abril e início de julho último, o real perdeu cerca de um quarto de seu valor diante do dólar. A desvalorização resultou do súbito crescimento das probabilidades de perdas de capital atribuídas às operações de financiamento externo do País. Denominadas de Risco-Brasil, as mesmas probabilidades atribuídas expressam-se no diferencial de taxas de juros, que pagam, de um lado,

Leia mais